Grupo Premier

oBlog GP

Veja a situação do CNPJ de clientes, fornecedores e da sua empresa

Veja a situação do CNPJ de clientes, fornecedores e da sua empresa

Consultar a situação do CNPJ de uma empresa é uma das principais formas de assegurar as negociações. Negócios que lidam com B2C conhecem esse passo e sabem da importância que ele tem na garantia de boas vendas.

Não só isso, avaliar a situação cadastral dos fornecedores também faz parte da rotina corporativa. Afinal, eles são parceiros estratégicos dos quais, muitas vezes, uma empresa depende para se manter funcionando.

Para ajudar você a entender melhor a importância estratégica da consulta de CPF e de CNPJ, explicamos os pontos mais relevantes, neste post. No decorrer do texto, vamos mostrar como fazer e as vantagens de acompanhar a situação do CNPJ de clientes, fornecedores e da própria empresa, detalhando o que analisar. Confira o que e quando monitorar em suas relações de negócio!

Acompanhando a situação do CNPJ de clientes

Consultar o CNPJ de empresas clientes é o passo mais importante na análise de crédito, visando evitar a inadimplência. Os males que ela pode causar são diversos e incluem:

  • desestabilizar seu fluxo de caixa;
  • atrasar o pagamento de seus compromissos;
  • provocar perdas com juros e multas por atraso nas suas contas;
  • prejudicar o pagamento de funcionários;
  • comprometer o planejamento financeiro do negócio;
  • impedir investimentos para o crescimento da empresa;
  • reduzir sua capacidade de crédito em bancos e financeiras, etc.

Por isso, não se pode conceder crédito ou realizar vendas a prazo para clientes sem, antes, ter certeza da situação cadastral do CNPJ deles. Um negócio com dívidas vencidas dá claros sinais de que pode atrasar seus novos compromissos.

Quando estão negativados, as chances de inadimplência são ainda maiores. Nesses casos, você pode limitar a negociação a meios seguros, como pagamentos à vista ou por cartão de crédito.

Deixe as negociações com cheques, boletos ou promissórias para clientes recorrentes que tenham cadastro positivo e bom histórico de pagamentos com a sua empresa. Ainda assim, vale a pena monitorar o CNPJ deles, afinal, nunca se sabe quando uma empresa pode se tornar inadimplente.

Além de negativações, protestos em cartórios, emissões de cheques sem fundos, possíveis ações judiciais sofridas e históricos de dívidas e falências ou recuperações judiciais de empresas anteriores vinculadas a um CNPJ podem dar uma dimensão exata da situação financeira do possível cliente.

Por isso, não se prenda somente à verificação cadastral na Receita Federal: saber se um CNPJ está ativo ou foi baixado diz muito pouco, diante da importância da relação para o seu sucesso nos negócios.

Monitorando a situação do CNPJ de fornecedores

O acompanhamento dos fornecedores é igualmente importante, mas em outro contexto. Avalie os seguintes pontos:

  • Quem são seus principais fornecedores?
  • Quais os possíveis substitutos deles no mercado?
  • Algum deles detém exclusividade de fornecimento de algum produto ou insumo?
  • Sua empresa concentra as compras em um fornecedor específico?
  • Quais deles causariam impacto nos seus negócios, caso ficassem indisponíveis para compras?

Ao responder a essas questões, você terá uma visão exata da relevância de cada fornecedor para que sua empresa continue atuando sem paradas ou prejuízos. Faça análises em suas compras nos últimos seis a 12 meses e veja o volume — em termos de valor e quantidade de produtos faturados — de compras junto a cada parceiro.

Quando uma empresa tem pulverização nas compras, ou seja, compra em pouco volume de vários fornecedores, ela foge de uma relação de dependência. Isso pode, em algum momento, ser prejudicial, caso a empresa parceira deixe de negociar ou imponha condições muito restritivas de volume, preços, prazos ou formas de entrega.

Porém, quem negocia sabe bem que as vantagens vêm no volume de compras. É bem incomum realizar aquisições pequenas em diversos fornecedores, porque é mais dispendioso: o frete sai mais caro e não há muita barganha para obter descontos ou condições melhores. Por isso, é natural que as empresas concentrem suas compras junto a determinados players.

Assim, a saída é monitorar o CNPJ dos mais importantes e ficar de olho em qualquer variação que indique possíveis riscos para a sua empresa. Dessa forma, você tem uma margem de tempo um pouco maior para tomar decisões estratégicas inteligentes.

Verificando a situação do CNPJ da sua empresa

Por último, e não menos importante, vem a consulta de CPF e CNPJ para a sua empresa e sócios. Ser pego desprevenido é bem desagradável! Portanto, lembre-se de que, assim como você avalia seus parceiros, também é verificado por eles. Tenha certeza de que seus melhores fornecedores fazem o monitoramento do seu CNPJ, pois também pensam estrategicamente.

Assim, quando receber notificação de qualquer pedido de negativação, informações de protestos ou qualquer possível restrição que prejudique sua imagem empresarial no mercado, você pode tomar providências imediatas para reverter a situação.

Além disso, o monitoramento previne contra fraudes. Golpes são aplicados todos os dias, por isso, monitorar seu CPF e CNPJ é a maneira mais eficiente de evitar prejuízos. Ao perceber qualquer mudança cadastral relativa a uma dívida que você não reconheça, procure imediatamente o credor e comunique a situação.

Zelar pela sua imagem perante o mercado é um cuidado essencial, pois impacta até seu acesso ao crédito e a possibilidade de obter financiamentos ou capital de giro em prazos e taxas de juros mais atrativas.

Utilizando o Monitore Clientes da Serasa Experian

Porém, como eu consigo fazer tudo isso sem ter um trabalho enorme? A Serasa Experian reúne todas essas informações de maneira prática e eficaz para facilitar e dar segurança às suas negociações.

Não é necessário consultar cartórios e fazer pesquisas em diferentes sites, quando você tem toda a informação à sua disposição no Monitore Clientes. Essa é uma solução completa de verificação que permite acompanhar os dados de até 100 CNPJs, enviando alertas por e-mail sempre que houver qualquer alteração em algum deles.

O Monitore Clientes permite que você visualize, para sua empresa, cliente e fornecedores, dados sobre:

  • dívidas vencidas e negativadas;
  • protestos cartorários;
  • ações judiciais;
  • emissão de cheques sem fundo;
  • falências e recuperações judiciais, etc.

Assim, você tem, além da consulta da situação do CNPJ, uma visualização cadastral completa dos seus parceiros mais importantes. Com essa solução, você pode atuar com segurança, estabelecendo uma política de crédito eficiente para seus clientes e escolhendo a dedo os melhores e mais seguros fornecedores.

Experimente gratuitamente o serviço de Monitoramento de Clientes da Serasa Experian e garanta solidez e segurança para sua empresa!

Fonte: empresas.serasaexperian.com.br/blog/situacao-cnpj

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram