Grupo Premier

oBlog GP

5 Tipos de Tráfego Pago para Implementar Agora na sua Empresa

5 Tipos de Tráfego Pago para Implementar Agora na sua Empresa | Ecommerce na Prática

CompartilharCompartilharTwittarPin77 Compart.

Seu tráfego pago pode trazer ainda mais resultados se apostar em variedade. Quando você cria uma estratégia com tipos diferentes de tráfego pago em formatos diversificados, é possível alcançar mais pessoas que estão dentro do seu público-alvo.

A lógica por trás dessa filosofia é simples: uma vez que aposta em variações de formato de anúncio, pode impactar alguém que, porventura, não iria interagir com outro tipo de anúncio. . 

Logo, se você investir em diferentes formatos como banners, vídeos e anúncios nativos, o fluxo de visitas crescerá e, consequentemente, suas oportunidades de venda irão aumentar.

Ao longo deste artigo, vou te apresentar a diversos tipos de tráfego pago que pode utilizar no seu Ecommerce para multiplicar os resultados.

Mas, antes, vou te explicar alguns pontos essenciais sobre a estratégia de tráfego pago.

imagem06-04-2022-12-04-29
imagem06-04-2022-12-04-29

Aprenda como Impulsionar seus Resultados em até 15x mais com nosso Método Exclusivo de tráfego pago!

Índice:

Visão Geral do que é Tráfego Pago

Tráfego pago é uma estratégia de marketing de atração para trazer pessoas para determinado canal por meio de anúncios. Sabe quando você vê um post patrocinado em uma rede social ou um banner em um site? Essas são iniciativas comuns no tráfego pago…

O mais legal é que você pode impactar cada uma das etapas do seu funil de venda de forma única, com ações direcionadas para cada tipo de público e com objetivos distintos (venda, conhecimento de marca, tráfego…).

A vantagem de utilizar o tráfego pago é que os resultados são imediatos e o alcance é muito maior do que a maioria das iniciativas orgânicas (“não pagas”) que você pode fazer…

Além do mais, ao atrair tráfego, você tem mais visibilidade para sua empresa e mais possibilidades de conversão.

Em troca disso, é necessário que você invista um valor determinado (que caiba no seu bolso). A lógica é simples: quanto mais investir, mais pessoas vai conseguir alcançar.

Mas não se preocupe: existem formas de baratear seus custos e fazer com que seus esforços de tráfego pago alcancem a pessoa certa. Vou te falar sobre isso…

Tráfego Pago vs. Tráfego Orgânico

Hoje, existem basicamente dois modelos de tráfego: o orgânico, que vem direto de posts em seu blog ou em redes sociais, podcasts, etc; ou o pago, que são essas iniciativas que exigem investimento para trazer maior retorno.

Em linhas gerais, o tráfego orgânico é aquele no qual o público chega até você de forma natural, enquanto o pago você é que vai atrás do público e o chama para seu site ou rede social…

Talvez você já tenha ouvido por aí que um ou outro vale a mais a pena. No entanto, o ideal é que aposte em ambos os modelos em sua estratégia de tráfego…

Afinal, ao utilizar as duas estratégias em conjunto, o tráfego orgânico deixa o tráfego pago mais barato.

Isso é possível porque te permite direcionar seus esforços de tráfego pago para o público que já teve contato com seu material orgânico e, portanto, está mais preparado. 

É o que chamamos de focar na audiência mais quente, que já mostrou interesse naturalmente em você…

Esse é o tipo de estratégia que grandes empresas do mercado utilizam, como Amaro, Reserva e nós, do Ecommerce na Prática.

Inclusive, essa é uma estratégia que ensinamos o passo a passo no Workshop Semana do Ecommerce… mas vou te falar mais a respeito disso adiante.

Por enquanto, deixe eu te mostrar algumas plataformas de tráfego pago que pode utilizar na sua empresa.

Plataformas de Tráfego para seu Ecommerce

1- Google Adwords 

O Google Ads é uma ferramenta própria do Google de tráfego pago. Ela foi criada especificamente para fazer publicidade dentro do buscador. 

O diferencial do Googles Ads é a maneira como ele cria os anúncios. Lá, os anúncios são bem mais segmentados por ser feitos a partir de uma palavra-chave (isso de acordo com o produto ou tema do que você quer anunciar). 

Na prática, o usuário que buscar pela palavra-chave dentro do buscador será atingido imediatamente pela publicidade do seu produto. 

E onde esses anúncios aparecem? Eles aparecem em forma de links patrocinados. 

Faça uma pesquisa rápida no Google sobre algum produto… 

Uma sugestão: pesquise por “tênis de corrida”.  Os primeiros resultados sobre tênis de corrida são os links de anúncios pagos através do Google Ads. 

Ou seja, a empresa pagou para aparecer no topo da primeira página de busca com essa palavra-chave em específico. 

Veja só a imagem abaixo de como é na prática: 

Os anúncios sempre vão aparecer antes dos links que estão na primeira página por meio de tráfego orgânico. 

Afinal, você estará pagando para aparecer antes de qualquer outro site dentro do maior buscador da internet. 

Se você quiser saber mais como anunciar no Google Ads usando o SEO para otimizar os resultados, clique aqui e leia o artigo

2- Youtube Ads 

Para quem quer usar o Youtube para captar novos leads e gerar mais visitas no seu site, use o Youtube Ads para implementar o tráfego pago no seu negócio. 

No Youtube Ads, você pode criar anúncios em vídeo que vão circular dentro da plataforma. Se você tiver um canal, esses anúncios podem ser passados dentro do seu próprio vídeo ou como sugestão em vídeos relacionados ao seu nicho. 

O lado bom de usar anúncios em vídeo é que o mundo hoje é bem mais visual, as pessoas tendem a prestar mais atenção e, mesmo que em pouco tempo, você terá a chance de cativar as pessoas. 

Leia também: SEO para Youtube: como destacar seus vídeos online

3- Instagram Ads 

O Instagram também possui uma ferramenta de tráfego pago dentro da plataforma e não estamos falando do botão promover… Esse é outro tipo de ferramenta que também pode ser útil para o alcance do seu negócio. 

Mas falando em Instagram Ads, essa ferramenta permite que você faça anúncios dentro da rede social em diferentes formatos: 

  • Anuncio em vídeos;
  • Post no Feed;
  • Anúncio nos Stories;
  • Anúncios em carrossel; 
  • Anúncios de coleção.

Ou seja, você pode utilizar todos os recursos que a plataforma possui para anunciar o seu produto/campanha. Os anúncios podem ser feitos através do próprio aplicativo, do gerenciador de anúncios do Facebook ou por meio dos parceiros do Instagram. 

4- Facebook Ads 

E, por fim, mas não menos importante, o Facebook Ads é bem prático para quem quer começar a investir em tráfego pago. 

Apesar de muita gente achar que o Facebook não é uma boa fonte de captação de leads, o Facebook ainda gera grandes resultados para as empresas.

O Ecommerce na Prática é um exemplo disso. Boa parte dos nossos leads chegam através de anúncios feitos no Facebook… 

Ao fazer o anúncio no Facebook Ads, você poderá escolher em qual dispositivo deseja anunciar – desktop, mobile ou ambos –, a localização, qual público você quer atingir e por quanto tempo vai deixar aquele anúncio no ar. 

Todas essas funcionalidades tornam essa forma de publicidade muito poderosa.

Uma dica para que você aproveite ainda mais os resultados do tráfego pago é pensar bem no anúncio e não fazer qualquer coisa. 

Pare e pense: qual é o objetivo desse anúncio? Quais pessoas você quer impactar com ele?

Respondendo essas perguntas, veja quais os formatos fazem mais sentido para a sua campanha, com qual delas o seu público-alvo realmente seria atingido? 

Se você não sabe quais são os formatos de anúncios mais usados, selecionamos alguns para você. Veja só os principais tipos de tráfego pago para implementar na sua empresa hoje mesmo. 

Tipos de Tráfego Pago 

1- Banner 

No mundo digital, os Banners também são conhecidos como Display. Eles funcionam de uma maneira mais simples e direta: uma foto ou imagem projetada para anunciar uma campanha na qual a pessoa pode clicar na imagem para saber mais detalhes. 

Ao clicar no banner, essa pessoa é redirecionada a uma página de venda do produto que está sendo anunciado. 

Além disso, há diferentes tipos de banners: 

Banners estáticos

São aqueles anúncios mais tradicionais que ficam no mesmo lugar da página na web. Muita das vezes é apenas um “quadro” com uma imagem;

Interativo

Banners mais interativos, com mais de uma imagem e aparecem em sequência. 

Banners flutuantes

São os anúncios que, ao entrar numa página, ele se posiciona na frente do conteúdo e vão se movendo de acordo com o seu movimento na página.  

Flashs

Banners que ficam em movimento como se fossem um flash de conteúdos intercalados. Vão alternando conforme o flash passa os conteúdos diferenciados. 

2- Anúncios Nativos 

Os anúncios Nativos são interessantes para impactar aquelas pessoas que não se convencem mais com a publicidade tradicional. É uma forma mais sutil de atraí-lo. 

Por exemplo,  quando você cria um anúncio nativo, ele será divulgado em sites de notícias com grande número de acessos, como se fosse mais um conteúdo daquele portal.

Você já deve ter reparado, ao ler uma notícia de algum determinado assunto, que, no final, aparecem conteúdos publicitários relacionados ao tema da notícia que você acabou de ler. Aparece como uma sugestão de leitura…

Esses são os anúncios nativos… 

A vantagem, além de estar presente em sites com ótimo tráfego de visitas, é que as chances das pessoas clicarem no anúncio são maiores. Como o tema é relacionado a notícia, a tendência é que essa pessoa se interesse também pelo seu anúncio. 

3- Mídias Sociais 

Dentro das mídias sociais existem diversas maneiras de anunciar o seu produto de forma assertiva e segmentada, com o intuito de gerar engajamento com o público-alvo da campanha. 

Além disso, anunciar nas redes sociais é um dos formatos mais econômicos. Não precisa investir muito para ter um anúncio da sua campanha no Facebook, por exemplo.

Com menos de 6 reais é possível criar um anúncio personalizado, podendo incluir até mesmo a região, a faixa etária, os interesses, histórico escolar, etc. 

Já no Instagram, você consegue criar publicidade em diversos formatos, como anúncios feitos por link nos stories, postagem no feed… (inclusive, já citamos alguns deles no tópico sobre o Instagram Ads). 

Leia também: Guia de Tamanho de Imagem para Instagram e Facebook [Anúncios e Posts]

Nas redes sociais também é interessante lembrar do tráfego orgânico. Montar uma estratégia para fazer uma mesclagem entre tráfego pago e o tráfego orgânico pode ser o diferencial que a sua empresa precisa para alcançar mais pessoas gerando valor. 

4- Vídeos

Chamados também de Vídeos Marketing, os anúncios feitos em vídeos são campeões no quesito atrair novas pessoas para o seu negócio. 

As pessoas gostam de conteúdos rápidos e dinâmicos sem, necessariamente, ter que ler algo. Por isso, os vídeos são ótimos para construção de um anúncio mais interativo. 

No Youtube, com certeza, você já foi impactado por um anúncio em apenas 5 segundos. É muito rápido, mas se usar as estratégias certas de conteúdo e persuasão, suas visitas no site vão aumentar. 

Mas a utilização de vídeos como anúncios também podem ir para um lado mais didático, levando algum tipo de conteúdo ou alguma informação que seja de extrema relevância para o seu público-alvo.  

Leia também: Como ter Resultados com Vídeos no Instagram

5- Aplicativos e mobile 

Cada vez mais as pessoas utilizam os smartphones para realizar tarefas diárias. Pode-se fazer milhares de coisas pelo celular, desde comprar o que quiser na internet, até baixar aplicativos de exercícios, bancos, delivery, entre outros. 

É praticamente uma parte do corpo do ser humano hoje em dia. 

Logo, quando você anuncia a sua campanha dentro desses aplicativos ou na versão mobile dos sites, você poderá impactar o seu público-alvo a qualquer momento do dia. 

Por esta razão, de que os smartphones estão muito presentes nas vidas das pessoas que o anúncio em formato mobile é um dos mais poderosos dos últimos tempos. 

A maioria dos sites já estão criando layouts adaptáveis para a versão mobile dos anúncios feitos em banners, por exemplo.

Tenha uma explosão de Tráfego e Vendas

Ao alinhar as plataformas, os formatos de anúncios e o público-alvo que você quer atingir com eles, certamente essa campanha trará um retorno incrível para os resultados de conversão da sua empresa. 

E tudo isso faz parte das estratégias de tráfego pago que servem tanto para aumentar a sua audiência e o reconhecimento da sua marca, quanto para aumentar o número de vendas. 

Afinal, não adianta nada ter uma empresa com uma audiência enorme, que engaja, mas não compra… 

Por isso, é muito importante saber como estimular a ação de compra dessa pessoa que se interessou pelo produto. 

Como fazer isso? 

Aprendendo ainda mais sobre as estratégias de tráfego no treinamento Explosão de Tráfego e Vendas.

Neste curso, você vai aprender as mais diversas estratégias de tráfego que ajudou centenas de nossos alunos a crescerem nos canais de audiência, aumentando o faturamento da empresa.

Saiba mais sobre o treinamento agora mesmo e tenha uma explosão de tráfego e vendas no seu Ecommerce.

QUERO TER UMA EXPLOSÃO DE TRÁFEGO E VENDAS

A maior escola de Ecommerce do Mundo.

CompartilharCompartilharTwittarPin77 Compart.

Fonte: ecommercenapratica.com/blog/trafego-pago

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram